Skip to content

Comi o cu da minha cunhada na festa de ano novo

Esse rapaz comeu o cu da cunhada na festa de réveillon e ainda gravou o vídeo

Olá, meu nome é Cleberson, tenho 36 anos e sou casado. Minha família me chama de Clebinho, então vou me identificar nesse conto com o mesmo apelido. O que vou contar hoje pra vocês meus amigos é real e aconteceu comigo nesse último réveillon, que foi um dia especial, principalmente por eu comer minha cunhada.

Minha cunhada é a Roberta, Morena, bem gostosa e tem 26 anos e um corpo muito perfeito, super gente boa ela sabe como encantar as pessoas, e acabou mexendo muito comigo.

Já tinha algum tempo que eu e minha cunhada trocávamos alguns olhares e sempre que a gente estava sozinhos conversando fazíamos aquelas piadinhas de duplo sentido. Acontece que em outubro do ano passado, meu casamento começou a ficar bem chato.

Minha esposa parece que não queria mais saber de mim e eu tão pouco dela, e foi ai que minha cunhada e eu começamos a conversar cada vez mais. Todas as noites ela e eu conversávamos muito, trocávamos muitas mensagens e começou a pintar um clima.

Em meados de novembro, a gente estava conversando e ela falou que tinha brigado com o namorado dela e que estava um pouco chateado. Sem perder tempo, convidei ela pra vir dormir na minha casa, que eu “cuidaria dela”.

– “Vem pra cá, eu cuido de você rs.”

– “Queria muito cunhadinho rsrs…”

Sabe quando você está trocando mensagens e acaba sentindo um climinha bem gostoso por mensagens? Foi o que senti quando li aquela mensagem dela. Ela mora em uma cidade que fica a uns 30 minutos de carro da onde eu moro, por isso nós não nos víamos com tanta frequência.

A conversa entre eu e ela começou a desenrolar, ela falando dos sentimentos dela, e eu acabei revelando que tinha uma certa atração velada por ela.

Contei pra minha cunhada que queria comer ela

A conversa foi esquentando e eu comecei a não segurar mais minhas palavras, falei com ela que sempre quis ficar com ela.

– “Eu sempre quis ficar com você, beijar sua boca… sei lá, sinto uma coisa grande por você.”

– “Nossa seu safado kkkk, você não perde tempo não é?”

– “Vai dizer que não sente o mesmo por mim?”

– “Você sabe que sim, sempre quis ficar com você também, mas você é casado com minha irmã ai fica difícil né.”

– “Pois na primeira oportunidade que eu tiver vou te agarrar e te beijar e nós vamos transar muito.”

– “Quero só ver”.

CONTINUA APÓS OS CONTOS


Era tudo que eu precisava ouvir, ou melhor, ler! Nesse momento ela me mandou uma foto deitada na cama dela, de babydoll com parte do peito dela aparecendo, aquilo me deixou maluco, meu pau quase explodiu dentro da minha cueca!

Começamos a trocar nudes, mandei uma foto do meu pau pra ela, ela ficou molhadinha na hora e fez um vídeo pra mim batendo uma siririca, com a buceta toda molhadinha, e pediu pra eu enviar um vídeo batendo uma punheta pra ela.

Enfim, trocamos uma ideia, mas foi no natal que as coisas ficaram muito interessantes pois ela veio aqui pra minha casa passar o fim de ano na minha casa. E já no dia que ela chegou, minha esposa pediu eu pra levar ela no supermercado, entramos no carro e ela estava com um vestido branco florido meio curto, sentou no banco do carona e a gente foi trocando uma ideia.

Pedi ela um beijo dentro do carro e ela me beijou e já foi metendo a mão no meu pau, começou a bater uma punheta pra mim e me deixando bem excitado. Eu doido pra comer ela ali mesmo, perguntei se ela queria ir para um motel.

– “Vamos para um motel?”

– “Não da, agente tem que voltar rápido.” Respondeu ela.

– “Goza aqui na minha mão vai, esse pau gostoso.” Continuou.

Cara, não me segurei, ela batia uma punheta melhor do que eu mesmo e eu acabei gozando na mão dela, melando o volante. Ela se abaixou e chupou meu pau e me limpou inteiro com a boca.

A gente voltou pra casa e fingimos que nada aconteceu.

Virei o ano comendo o cu da minha cunhada e filmei tudo

Já no dia 31, minha família e a família da minha esposa foram para minha casa comemorar o ano novo. Começamos a beber e fazer churrasco lá em casa, e na minha casa tem uma área gourmet no fundo onde fica a churrasqueira e um espaço que usamos pra comemorar e comer. Como estava todo mundo lá curtindo, dei um sinal pra minha cunhada me seguir, por que naquele dia eu não podia mais esperar, precisava comer aquela buceta que sempre desejei.

Ela estava com um vestido preto tubinho que me deixava muito excitado. Dei sinal pra ela e fui para o segundo andar da minha casa, lá tem um quarto com um banheiro que ninguém usa, fui primeiro e depois ela me seguiu e encontrei ela perto da escada.

Corremos para esse quarto, tranquei a porta entramos para o banheiro. Suspendi o vestido dela e já fui tirando a calcinha dela, cheio de tesão fui com toda sede do mundo ao pote. Mas antes ela ficou de joelho e começou a me chupar inteiro, lambia meu pau como se fosse um picolé em um dia quente de verão.

Até minhas bolas ela lambeu, foi a primeira vez que chuparam meu saco e a sensação é incrível! Joguei ela na parede de costas, coloquei ela meia de quatro e comecei a foder a buceta dela com tesão, metia gostoso e sentia ela gemendo baixinho. Comecei a bombar mais forte pra fazer ela gemer mais alto, aquela altura eu já tinha ligado o foda-se pra tudo não me importava em ser flagrado.

Comia ela com muito tesão e prazer, metia bem gostoso e ela gemia com força! Não aguentei e gozei dentro da buceta dela, mas não parei de meter, até que ela gozou comigo. Ela ficou de joelho e começou a me chupar de novo, parece que ela adorava sentir meu leite masculino na boca.

De repente tive outra ereção e tentei meter nela de novo, mas ouvi uma negativa.

– “Não, minha buceta está sensível”.

Foi ai que ela me ofereceu o cuzinho dela, eu quase não acreditei, ela tirou uns apetrechos da bolsa dela e veio um consolo e lubrificante. Meti no cu dela pra abrir as portas pro meu pau e em seguida fiz o meu primeiro sexo anal e o mais gostoso sexo da minha vida! E acabei gozando de novo dentro do cu dela.

A gente se arrumou e voltou correndo para a festa. Ela ainda está aqui em casa se ela transar comigo de novo volto a contar pra vocês como foi. Ah, o vídeo ta ai pra quem quiser ver!

 

 

Envie seu conto erótico aqui para o site!